Rapaz de 18 anos é morto a tiros na Zona Norte. Homicídios quase dobram este ano

July 30, 2017

                                          Gabriel foi morto a tiros (Foto: reprodução Facebook) 

 

O 13° homicídio do ano em Marília aconteceu na noite deste sábado. Gabriel Ferreira, de 18 anos, foi morto com cerca de doze tiros (quatro deles na cabeça) no Núcleo Alcides Matiuzzi, na Zona Norte de Marília. O crime ocorreu na Rua Hidekazo Mitsui.  O Samu chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local o rapaz já estava sem vida. Uma porção de maconha foi encontrada no bolso dele. Testemunhas informaram que o rapaz vinha sendo ameaçado por um elemento conhecido como "Gordinho". A polícia investiga o caso. 

ESTATÍSTICAS

A Secretaria de Segurança Pública divulgou as estatísticas relativas ao mês de junho deste ano em Marília. Os dados têm como fontes a Polícia Civil, Polícia Militar e Superintendência da Polícia Técnico-Científica.

Comparados ao mesmo período (junho) do ano passado, os furtos cresceram 34%, sendo 199 em junho de 2016 e 266 em junho deste ano. Já os furtos de veículos tiveram uma redução de 57%, sendo 37 em junho de 2016 contra 16 em junho deste ano. Os roubos de veículos cresceram, sendo um em junho do ano passado e 2 no período este ano. 

Os roubos reduziram 26%, sendo 47 em 2016 e 35 em junho deste ano. As tentativas de homicídio dispararam, sendo 5 em junho deste ano e nenhuma no ano passado. Homicídio doloso foi um em junho de 2016 e nenhum no período este ano.

PRIMEIRO SEMESTRE

Já os números das estatísticas do primeiro semestre do ano passado, comparadas com o mesmo período deste ano, mostram que os homicídios dolosos quase dobraram na cidade.Foram 7 mortes em 2016 contra 12 este ano. As tentativas de homicídio despencaram de 14 no ano passado para 3 este ano. Ou seja, as pontarias este ano foram mais certeiras!

Os furtos de veículos caíram: no primeiro semestre de 2016, foram registrados 155 casos, contra 135 no mesmo período este ano. Os roubos de veículos também caíram bastante, de 11 casos em 2016 para apenas 4 este ano.

Os furtos em geral aumentaram de 1.259 em 2016 para 1.500 este ano. Os roubos também, cresceram, de 244 no ano passado para 268 este ano. Outro aumento registrado foi quanto aos estupros: 22 em 2016 e 24 este ano. Os latrocínios caíram de 2 em 2016 para um em 2017. As mortes no trânsito praticamente se mantiveram as mesmas, com 14 vítimas em 2016 e 15 este ano.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black