Onda de furtos de veículos em Marília segue fazendo vítimas. Depenaram a Kombi que o construtor usava para trabalhar

December 12, 2017

        Kombi do construtor foi depenada por ladrões: mais uma vítima da onda de furtos de veículos em Marília

 

A onda de furtos de veículos em Marília é tamanha, que muitos casos acabam se perdendo entre os Boletins de Ocorrências e só são descobertos após os encontros dos veículos, abandonados e depenados pela bandidagem. 

É o caso do construtor Carlos Roberto Gomes, de 43 anos, residente no Bairro Santa Antonieta, na Zona Norte.

Ele teve sua perua Kombi, branca, placas de Marília, furtada nas primeiras horas da manhã da última quinta-feira (7).

O veículo estava estacionado em frente uma obra na Rua Itu, na Zona Leste, onde trabalhavam companheiros de Carlos Roberto. Mesmo com o pessoal no local, larápio quebrou o miolo do contato, fez ligação direta e furtou a Kombi.

O veículo foi localizado abandonado no meio de um cafezal, às margens da BR-153, na Zona Sul da cidade. A Kombi estava depenada, sem rodas, sem bancos, sem o motor, além de outros acessórios e ferramentas que estavam no interior da Kombi, quando ela foi furtada.

O dono da Kombi, Carlos Roberto, disse ao JP que, após o furto, teve que emprestar um carro de um parente para transportar companheiros de trabalho e ferramentas. 

"A gente tinha acabado de reformar a Kombi inteirinha, feito o motor, feito bancos novos, dado um trato para trabalhar, mas ocorreu isso aí! Fazer o que, né? Infelizmente tem esses vagabundos aí na rua que não tem o que fazer", comentou o construtor. Os prejuízos dele são calculados em cerca de R$ 5 mil. 

BANDIDAGEM NÃO DÁ TRÉGUA!!!

A estudante Nair Rubia Ronca de Lima, de 24 anos, relatou que deixou seu veículo, um Gol, cinza, ano 98, estacionado em frente ao local onde trabalha, na Rua Sperêndio Cabrini, no Bairro Maria Isabel, na Zona Leste da cidade. Ela disse que o carro estava com o combustível próximo da reserva e tinha quatro pneus novos. 

Como a maioria dos veículos furtados em Marília são encontrados depenados, é provável que este carro apareça sem as quatro rodas.

ENCONTRADO EM AVANHANDAVA

Um veículo Saveiro, roubado de um aposentado de 71 anos em um sítio às margens da BR-153, próximo ao Distrito de Rosália, em Marília, no dia 24 de outubro passado, foi encontrado nesta quarta-feira em um canavial  próximo a Avanhandava, na região de Catanduva, a 190 quilômetros de Marília. Estava sem os equipamentos de som e sem as quatro rodas.

No dia do roubo, dois elementos chegaram na propriedade pedindo água. Aí, renderam e amarraram a vítima e fugiram levando um botijão de gás, roupas e alimentos na Saveiro, além do aposentado, que foi deixado em uma estrada vicinal. 

ONDA DE FURTOS

Explodiu de vez a onda de furtos de veículos em Marília! Em 15 dias, 18 veículos, entre motocicletas e carros, foram levados por ladrões. Na tarde deste domingo (3), o vigilante Antonio Borba Gonçalves, de 52 anos, teve sua motocicleta Honda CG 125, vermelha, ano 2001, furtada na Zona Sul. Ele relatou na CPJ que foi até uma cachoeira nas imediações dos predinhos da CDHU e ao retornar ao local onde havia deixado a moto, por volta das 17h,não mais a encontrou. 

Já na madrugada desta segunda-feira (4), furtaram o veículo Monza, preto, ano 1991, pertencente ao cozinheiro Adalberto da Silva, de 47 anos. Ele relatou que deixou o carro estacionado defronte sua casa, na Rua Manoel Pereira da Silva, na Vila São Paulo e constatou o furto no início da madrugada desta segunda-feira.

Alguns veículos furtados acabaram sendo localizados abandonados pela cidade, depenados, sem as rodas, baterias, aparelhagem de som, acessórios e outros equipamentos. A suspeita é que os produtos furtados dos veículos estejam abastecendo receptadores e desmanches clandestinos em Marília e região. 

OUTROS CASOS RECENTES

O estudante Ronan Lucas Pereira, de 22 anos, teve seu veículo Fusca, ano 1979, branco, furtado na madrugada de sábado (2). Ele deixou o carro estacionado na Rua Joaquim Nabuco, na Vila São Miguel e foi á uma lanchonete nas proximidades. Quando retornou para pegar o carro, descobriu que o mesmo havia sido furtado. 

Depois de sete veículos (quatro carros e três motos) furtados na semana passada, este foi o terceiro caso de furto de veículo esta semana em Marília. Os outros dois casos foram os furtos de um Gol, branco, ano 1996, pertencente a a Alexandre Jefferson, também na Vila São Miguel e uma motocicleta Honda Biz, ano 2000, que pertencia a Gustavo Henrique Gonzales,  foi localizada posteriormente. No caso do Gol, câmeras de segurança flagraram a ação do ladrão.

O CASO DO CORCEL

Por volta das 2h da madrugada de sábado (2), policiais militares avistaram um veículo Ford Corcel, ano 1975, transitando pela contramão na Avenida Castro Alves. O carro foi abordado e era conduzido pelo menor G.G.D.S, de 17 anos, residente em Tupã. Ele estava em companhia de outros elementos, sendo Gabriel Gustavo da Luz, de 19 anos, Gustavo dos Santos Ferreira, de 19 anos, Emerson Henrique Martins, de 19 anos e Felipe Rodrigo Gusmão de Oliveira, de 20 anos, todos também de Tupã.

O menor disse que tinha pegado o carro de um tio, sem ele saber.Os outros malandros afirmaram, que estavam apenas de carona. Foi constatado que o veículo era produto de furto em Tupã e pertencia ao aposentado Vladimir Olivero Allegretti, que na manhã deste sábado veio a Marília buscar seu velho Corcel. Todos os indivíduos foram autuado em flagrante por furto. 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black