MP abre procedimento para apurar ilegalidades e maus serviços das empresas de ônibus em Marília

January 30, 2018

       Maus serviços das empresas de ônibus, como lotações e atrasos: denúncias chegam ao MP

 

O promotor de Justiça Estadual, Tiago Alves de Oliveira, abriu procedimento para investigar a situação contratual e denúncias de maus serviços prestados pelas empresas de ônibus Grande Marília e Sorriso de Marília. 

As duas empresas, que dividem o monopólio na cidade cobrando o mesmo preço de tarifas (R$ 3), começaram a atuar em maio de 2016, após um decreto assinado pelo ex-prefeito Vinícius Camarinha, autorizando  o serviço em caráter emergencial. A licitação para a contratação das novas empresas foi aberta na gestão do ex-prefeito Mário Bulgareli, mas segue emperrada na Justiça.

No apagar das luzes de seu governo, no dia 30 de dezembro de 2016, Vinícius baixou um decreto e revogou a tal autorização para as empresas.

O MPE abriu o procedimento a partir do envio de cópia de um requerimento do vereador José Carlos Albuquerque (PRB), apontando as eventuais ilegalidades na operação das empresas e mazelas nos serviços, como demissão de todos os cobradores e forçando os motoristas a fazer cobranças e dirigir os coletivos, comprometendo a segurança dos usuários. O vereador apontou ainda a elevação no número de acidentes com ônibus urbanos, em função da dupla função dos motoristas.

A falta de assentos para idosos, gestantes e portadores de deficiência é outro problema mencionado, além da superlotação dos ônibus, redução dos trajetos e itinerários e demora nos percursos. 

Outra demanda, mais recente, refere-se à retirada das catracas do Terminal Urbano, provocando o fim do passe-integrado e obrigando usuários a pagar mais passagens pelos mesmos percursos. Além disso, a abertura do Terminal Urbano, determinada pelo prefeito Daniel Alonso (PSDB), transformou o local num reduto de desocupados, usuários de drogas e outros malandros, com brigas, ataques a usuários e vandalismo. 

 

 

    Prefeito Daniel Alonso foi questionado pelo vereador Albuquerque sobre as mazelas das empresas de ônibus

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle

© 2017 por "JP. Povo