Convenção do PSB neste sábado terá Vinícius candidato a deputado estadual. Camarinha não disputará eleição e foca na Prefeitura, em 2020

August 5, 2018

 

 

 Vinícius disputará vaga na Assembleia Legislativa este ano e Camarinha foca na Prefeitura, em 2020

 

A Convenção Estadual do PSB, que acontecerá neste sábado (4), em São Paulo, vai confirmar o ex-prefeito Vinícius Camarinha como candidato a deputado estadual pelo partido. Aos 37 anos, ele já ocupou o cargo em três legislaturas (2002/2006 - 2007/2010 e 2011/21004). Nesta última, deixou o cargo em 2012 para assumir a Prefeitura de Marília.

Já o atual deputado estadual, Abelardo Camarinha, não vai disputar as eleições deste ano. Ele terá a legenda para concorrer a deputado federal pelo PSB, mas vai abdicar da mesma e não fará nem campanha este ano. Camarinha está focado nas eleições municipais de 2020, quando deverá disputar a Prefeitura de Marília.

TRAJETÓRIA VITORIOSA DE CAMARINHA

 

             PRIMEIRAS VITÓRIAS: Camarinha eleito vereador, em 1976 e prefeito, em 1982

 

Será a primeira vez, desde 1976, que Camarinha ficará fora de uma eleição que poderia disputar. Ele foi eleito vereador em 1976. Em 1982, se elegeu o prefeito mais jovem da história de Marília, aos 32 anos, com o dobro de votos dos outros sete concorrentes.

Revolucionou Marília e terminou o mandato como o Melhor Prefeito do Interior (Pesquisa Instituto Gallup - alcançando 84% de aprovação popular). Entre seus feitos, destacam-se a duplicação da Avenida Tiradentes, construção de 18 Emeis/Creches (rede modelo de Educação para o Brasil), mais de 10 Unidades de Saúde, a implantação do Hospital Materno-Infantil (antigo Hospital Marília), conquista do Sesi para Marília, construiu o Terminal Rodoviário Urbano (projetando o Camelódromo), alargamento da passagem de nível do Castelo Branco, da Avenida Pedro de Toledo e da Rua Mauá (que passou a ser denominada Avenida Tancredo Neves), além do asfaltamento da Estrada Vicinal de Rosália, a recuperação e conclusão da Via Expressa Sampaio Vidal, o combate e fim da histórica erosão da Avenida João Ramalho e asfaltamento e obras de infraestrutura no recém-criado Bairro Nova Marília, construiu o Poliesportivo Tatá, no Nova Marília, além de investimentos na área de abastecimento de água, como a construção do reservatório da Nova Marília (na Avenida João Ramalho), implantação da Biblioteca Braile e dezenas de outras obras e conquistas.

Camarinha elegeu o sucessor (Domingos Alcalde) em 1988 e em 1990 foi eleito deputado estadual, com mais de 42 mil votos.  Em 1992, perdeu a disputa pela Prefeitura para Salomão Aukar.

Em 1994, se reelegeu deputado estadual com mais de 58 mil votos e nos dois mandatos de deputado estadual, conquistou a estadualização da Famema (Faculdade de Medicina de Marília), que passou a ser gratuita e a duplicação total da Rodovia do Contorno, novas viaturas para as Polícias Militar e Civil e para o Corpo de Bombeiros, além de milhares de casas populares com novos núcleos habitacionais para Marília e região. Como deputado, também conquistou o início das obras de duplicação da Rodovia Marília/Bauru (SP-294), ampliação do Hospital das Clínicas, implantação do Hospital Lucy Montoro e instalação do Restaurante Bom Prato em Marília. 

 

 A nova Rodoviária de Marília e Camarinha com criança do Projeto Casa do Pequeno Cidadão: 

conquistas e marcos históricos no desenvolvimento de Marília

 

 

 

Em 1996, Camarinha venceu as eleições para a Prefeitura de Marília pela segunda vez. Foi eleito prefeito de Marília pela terceira vez ( o único na história da cidade!) em 2000. Nesses dois mandatos, consolidou-se como o maior gestor do desenvolvimento de Marília, construindo a nova Estação Rodoviária, a Barragem do Arrependido (mais de 1 bilhão de litros de água), perfuração de diversos novos poços-profundos (incluindo o Sistema Cavalete) e novos reservatórios de água, além da recuperação da ETA (Estação de Tratamento de Água) e da Represa Cascata.

Camarinha também construiu o Viaduto da Rua Paraná, fez a duplicação da Avenida Benedito Alves Delfino e da Avenida Durval de Menezes, o novo Distrito Industrial, doação de área e apoio para a vinda da fábrica da Coca-Cola, da Yoki Alimentos e a nova fábrica da Nestlé (do Belenzinho/SP para Marília), construção de mais de 15 mil casas populares, os conjuntos de apartamentos do PAR ( 889 apartamentos no Marega e Cavallari) e conquista do conjunto de 880 apartamentos da CDHU, na Zona Sul, revitalização da Avenida Sampaio Vidal (implosão do inútil Viaduto "José Bonifácio") e recuperação da Via Expressa Sampaio Vidal e implantou nove Casas do Pequeno Cidadão.

 

 

 Camarinha com alunos do Educandário Bento de Abreu e com crianças de Emei, no gabinete:

apoio a parcerias com todas as entidades assistenciais de Marília e Rede de Educação modelo

para o Brasil, ganhando todos os prêmios da área

 

Construiu, reformou a ampliou dezenas de novas Unidades de Saúde, implantou o Mini- Hospital da Zona Norte e a Policlínica na Zona Oeste, construção e ampliações de diversas novas Emeis e Emefs, construiu o Complexo de Trânsito, reformou a ampliou o Aeroporto de Marília (com pista apta para receber Boeings)  e ampliou o Estádio Municipal, com reformas e o novo Tobogã. Construiu 17 postas de cooper ao longo de seus mandatos, sendo a primeira delas a Pista de Cooper da Avenida das Esmeraldas e construiu o Ginásio de Esportes da Zona Sul. Nas gestões de Camarinha, Marília sagrou-se dez vezes campeã dos Jogos Regionais, três vezes vice-campeã e um terceiro lugar.

Camarinha conquistou todos os prêmios na área da Educação (Instituto Ayrton Senna, Fundação Banco do Brasil, MEC e outros) e o Título de Cidade Amiga da Criança (Unicef), prêmio de Melhor Gestor (Sebrae) e colocou Marília em 1° lugar de desenvolvimento no Estado de São Paulo

Em 2002, elegeu o filho Vinícius deputado estadual, aos 21 anos. Em 2004, elegeu o sucessor (Mário Bulgareli) e em 2006 foi eleito deputado federal, em dobradinha com o filho. 

Em 2008, Vinícius disputou a Prefeitura, sendo derrotado por Mário Bulgareli. Nas eleições de 2010, novamente pai e filho foram reeleitos: Camarinha deputado federal e Vinícius deputado estadual.

Em 2012, Vinícius venceu as eleições para a Prefeitura de Marília e em 2014 Camarinha foi eleito deputado estadual pela terceira vez. Em 2016 Vinícius não conseguiu se reeleger e este ano, tentará voltar à Assembleia Legislativa. Já Camarinha decidiu não disputar essas eleições e mantém como foco a disputa pela Prefeitura de Marília, daqui a dois anos.

Camarinha sempre venceu as eleições com votações expressivas e soma 482.215 votos em sua trajetória política. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black