Camarinha confirma AME no Hospital São Francisco. Atendimento para população humilde que não tem planos de saúde, com 25 médicos especialistas e investimentos de R$ 60 milhões por ano

August 7, 2018

 

Camarinha confirmou que o AME vai funcionar no prédio do Hospital São Francisco:

Vinícius, Cristina Macedo, diretora Regional da Saúde, dra Paloma Nunes, superintendente do Complexo

H.C/Famema e técnicos do Governo do Estado vistoriaram o prédio

 

"Um presente para Marília que já é realidade. Valeu o mandato!". A frase é do deputado Abelardo Camarinha (PSB), sobre a confirmação do governador do Estado, Márcio França (PSB), que definiu nesta segunda-feira (6) o prédio onde funcionava o Hospital São Francisco para a instalação do AME (Ambulatório Médico de Especialidades), em Marília.

O prédio foi vistoriado por equipe técnica da secretaria estadual da Saúde. "Uma ótima escolha, bem adequada às necessidades do padrão AME", disse o engenheiro Camilo Jingoti, integrante da equipe.  O prédio, localizado na Zona Sul de Marília, tem cerca de 4 mil metros quadrados e passará por reformas, com investimentos na ordem de R$ 7 a R$ 8 milhões e geração de dezenas de novos empregos na área da construção civil.

AME ATENDERÁ MARÍLIA E REGIÃO

O AME em Marília vai oferecer consultas com equipe de 25 médicos especialistas (entre pediatras, ginecologistas, urologistas e oncologistas/câncer), além da realização de exames. Serão cerca de quinhentos procedimentos médicos por mês, com cerca de 400 novos funcionários ligados à área de saúde (como médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e atendentes) e investimentos de R$ 60 milhões/ano. 

Todos os custos do AME em Marília estão sendo bancados exclusivamente pelo Governo do Estado, desde as reformas no prédio, que será totalmente remodelado e adequado, até os custos mensais de R$ 5 milhões para manutenção e custeio do Ambulatório. O orçamento do AME em Marília será igual o do Hospital das Clínicas, que atende outros 62 municípios da região com média e alta complexidades e urgências e emergências. 

AGRADECIMENTOS E VALEU O MANDATO

O deputado Camarinha, autor da proposta de instalação do AME em Marília, agradeceu o governador Márcio França pelo atendimento da revindicação e a diretoria do Complexo Famema pela liberação do prédio do Hospital São Francisco.

"O governador foi sensível ao nosso pedido e o diretor da Famema, doutor Valdeir Queiroz e a superintendente do Hospital das Clínicas/Famema, doutora Paloma Nunes, prontamente colocaram o prédio à disposição do Governo do Estado para a instalação do AME em Marília. Mais uma conquista histórica que valeu este meu mandato", disse Camarinha.

O parlamentar lamentou apenas o fato do prefeito Daniel Alonso (PSDB) não ter liberado prédio (como o antigo Bloco X da Unimar) para a instalação do AME em Marília. 

"Se eu estivesse como prefeito, cederia o prédio e pegaria esta oferta do governador com as duas mãos, pois o AME será totalmente custeado pelo Governo do Estado. Saúde é a necessidade número um do povo, da população humilde que não tem planos de saúde e precisa dos hospitais públicos. Agora, felizmente, vencemos os desafios e a população de Marília e região será atendida pelo AME", afirmou o deputado.

CONQUISTA DE INVESTIMENTOS DE R$ 70 MILHÕES NAS OBRAS

DE REFORMA E AMPLIAÇÕES E NOVOS EQUIPAMENTOS NO H.C

 

Camarinha e Vinícius na entrega das novas instalações do Hospital das Clínicas, que foi totalmente reformado e ampliado

 

O deputado Camarinha também conquistou com Márcio França (na secretaria estadual de Ciência e Tecnologia) investimentos no Complexo Famema, que administra o Hospital das Clínicas, o Hospital Materno-Infantil, o Ambulatório Mário Covas, o Hemocentro e outros órgãos de saúde.

Com as obras de ampliação e reformas, com nova pintura, reforços na estrutura e sistemas elétricos e hidráulicos, o Hospital das Clínica ganhou uma nova unidade emergencial em urgência e emergência, dobrando a capacidade, passando  a contar com 12 consultórios de atendimento, novas salas de sutura, unidade de estabilização, monitores e isolamento para doenças infectocontagiosas.

Tudo isso com novas camas, mobiliário e equipamentos de última geração. Além de nova sala de medicação. Com 2.300 funcionários, o Complexo H.C Famema é a terceira instituição que mais emprega na área em Marília e região.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black