Camarinha e Vinícius detonam o prefeito Daniel Alonso: "despreparado, arrogante, analfabeto, embrulhão, caloteiro..."

November 1, 2018

Os deputados estaduais Abelardo Camarinha (PSB) e Vinícius Camarinha (eleito - PSB), fizeram duras críticas ao prefeito Daniel Alonso (PSDB), no "Jornal da 950", nesta quinta-feira (1°).

Vinícius ironizou um vídeo postado pelo prefeito, logo após as eleições do segundo turno, onde ele cobrou os parlamentares para "fazerem as obras prometidas" até dezembro.

"Ele cobra que façamos tudo em dois meses. Ele está no cargo há dois anos e não fez nada", disse o deputado eleito. "O que temos são pedidos e projetos encaminhados, como a instalação do AME, a construção de mil novas casas populares, a contratação de mais cerca de 1.100 funcionários para o Complexo H.C/Famema e outros projetos. O governador Márcio França está fazendo a parte dele. Nossa expectativa é que o João Dória não faça a interrupção disso tudo, pois os programas estão todos encaminhados e teriam continuidade, caso o Márcio França continuasse governando o Estado", completou.

"Não se coloca um AME para funcionar em dois meses, não se constrói mil casas populares em dois meses, nem se a cidade inteira entrar em mutirão. É preciso arrumar a área, seguir os cronogramas. Infelizmente, ouvimos essas besteiras (fala do prefeito) de pessoas extremamente despreparadas. Um prefeito incompetente e despreparado, que gravou um vídeo com arrogância e desprovido de humildade. Ele se esconde dentro do gabinete e não atende ninguém. A gente sabe qual é o fim de pessoas assim" disse Vinícius.

Ele afirmou que seguirá seu trabalho como secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência,Tecnologia e Inovação até encerrar o mandato do atual governador.

"Ontem (quarta-feira) terminamos uma reunião com a diretoria da Famema, em São Paulo, por volta das 22h. Hoje, continuaremos o trabalho. Estamos agilizando a equiparação salarial dos funcionários da Fumes com a Famema, preparando isso para inclusão no orçamento. Há muito o que se fazer pelo Complexo H.C/Famema e vamos continuar trabalhando nesse sentido. O PSDB abandonou a Famema por quase vinte anos", disse.

O deputado eleito afirmou que após deixar o cargo de secretário de Estado, irá assumir o seu quarto mandato na Assembleia Legislativa, outorgado pelo povo. "Encerrarei minha missão na secretaria com muita honra e gratidão ao governador Márcio França. Como deputado estadual, farei o que puder por Marília e região. Vou atuar com diálogo com o novo governador, sem radicalização e sem adesão por oportunidade. Vamos cobrar dele o que foi prometido, trabalhar muio para que os investimentos cheguem aos municípios".

Vinícius afirmou que não irá admitir mais o que o PSDB fez no passado contra Marília. "Estarei entrincheirado e cobrando na Assembleia e não permitirei mais que Marília seja um distrito político de Bauru, onde um deputado tem influência com o João Dória e possui um histórico de perseguição a Marília. Vamos redobrar a força para que nossa cidade não seja perseguida. Esse povo aí (PSDB) é maldoso e quando fui prefeito, não deram trégua, tentando impedir a instalação do Hospital Lucy Montoro e as melhorias para o Hospital das Clínicas e a Famema. Vamos denunciar na Assembleia qualquer tipo de ação suja ou rasteira".

O deputado eleito acrescentou que vai trabalhar em defesa dos servidores públicos. "Agradeço ao governador Márcio França por ter feito por Marília em seis cinco meses mais coisas que o partido do prefeito Daniel (PSDB) não fez em vinte anos. Vamos trabalhar veementemente contra algumas ações do PSDB, como pedágios e falta de tratamento decente para servidores públicos, como policiais militares e civis e professores. A categoria estava sendo ouvida por Márcio França, que ia reduzir a quantidade de pedágios, inclusive na região de Marília, onde felizmente uma decisão judicial isentou moradores de pagar as tarifas".

"EMBRULHÃO E CALOTEIRO"

O deputado Abelardo Camarinha disse que as conquistas de obras recentes, como o AME, as mil casas populares, a nova escola-modelo de Ensino Fundamental e Médio, entre outras vão continuar em andamento. "Mas eles (o prefeito e o PSDB) vão fazer de tudo para não sair e nós vamos fazer de tudo para sair, porque não são benefícios para o prefeito, para a Casa Sol, são para o povo, com mais saúde com o AME e melhor educação com a nova escola para a Zona Norte. Não é para você,, Daniel! Você é um embrulhão, um caloteiro que não paga ninguém". 

Criticou o fato do prefeito não atender convites do deputado eleito Vinícius Camarinha para as assinaturas de construção do Parque Tecnológico e não ofereceu área para a construção das mil novas casas populares em Marília.

"É um analfabeto, despreparado para o cargo. Foi eleito como oportunista com os votos dos servidores municipais, que elegeram essa bomba para Marília. 

AÇÃO CRIMINAL E BOAS FESTAS DOS LIXEIROS

O parlamentar lembrou também da nova ação do Ministério Público, esta semana. "O Ministério Público abriu ação criminal agora por desvios na compra de materiais esportivos nesses jogos que tiveram. Você Daniel e o secretário Eduardo Nascimento estão sendo réus por fraudes para compra de materiais esportivos".

Camarinha falou também da proibição dos coletores de lixo receberem boas festas nesse final de ano. "Todos os anos, os coletores de lixo pediam boas festas e as famílias davam algum dinheiro, um vinho, um panetone para eles, pelos serviços o ano todo dos coletores de lixo, trabalhando debaixo de sol ou de chuva". Caso peçam ou recebam boas festas, os coletores e lixo estarão sujeitos a Processo Administrativo, este ano.

O deputado criticou ainda a atitude do prefeito no período eleitoral. "Ele abriu o Terminal Urbano, acabou com o vale dos aposentados, com o passe integrado, com o passe dos estudantes e não entregou os uniformes das crianças das escolas. Nas vésperas das eleições, prometeu devolver tudo isso, mas o povo não é bobo e Daniel Alonso não conseguiu eleger a filha dele como deputada, mesmo fazendo uma campanha milionária e sob pressão da máquina. Cadê o prestígio do prefeito Daniel Alonso? A filha dele não se elegeu, teve apenas oito mil votos e perdeu até para a Janaína, que é de São Paulo e para o vereador Damasceno". 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black