Atleta da Amei, judoca Alana Maldonado busca pelo Prêmio Paraolímpico Melhor das Américas. Votação já começou pela internet

January 17, 2019

                         Alana recebendo o Prêmio Brasil Paralímpico de melhor judoca 

 

Começou a votação pela internet e a atleta da Associação Mariliense de Esportes Inclusivos (Amei), Alana Maldonado, poderá receber novamente o Prêmio Paralímpico Melhor das Américas, de melhor judoca de 2019. A lutadora, que tem deficiência visual,  é favorita a levar  prêmio de melhor atleta da temporada.

Ela já foi contemplada oito vezes com esse Prêmio Brasil Paraolímpico, pelo Comitê Brasileiro Paralímpico (CPB), sendo homenageada em 2018 em cerimônia realizada em dezembro, no Rio de Janeiro. 

Em novembro passado, ela foi campeã do Mundial de Portugal (categoria até 70 kg) e a única atleta da delegação brasileira a conquistar a medalha de ouro. Alana, que nasceu em Tupã, gravou um vídeo pedindo votos, pela internet.

Em 2017, a atleta da Amei disse que foi escolhida pelo número de medalhas conquistadas e em 2018 o fator da conquista foi a conquista do Mundial. 

Alana Maldonado é líder do ranking internacional da categoria até 70 kg, para deficientes visuais. Na temporada, além do Mundial, foi campeã do Aberto da Alemanha, do Grand Prix Internacional de São Paulo e vice da Copa do Mundo na Turquia. A atleta da Amei é a única do judô a ser eleita também ‘melhor do ano’, em oito edições do evento. 

 

 

 

A votação vai ser no site www.americasparalympic.org

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black