Organização criminosa de empresários em Santa Catarina recrutava golpistas em Marília. Fraudes eram com financiamentos de veículos. Crimes desbaratados pela PF

June 7, 2019

Empresários suspeitos de fraudes de financiamentos de veículos e crimes contra o Sistema Financeiro Nacional, com "base" em Joivinle (SC), recrutavam golpistas em Marília para as ações criminosas.

Foi o que apurou a Polícia Federal daquele estado ao deflagrar nesta quinta feira (5) a Operação Stop, com o cumprimento de dez mandados de buscas e apreensões. 

A investigação apura a atuação de organização criminosa especializada na obtenção fraudulenta de financiamentos para aquisição de veículos. Os investigados apresentavam documentos falsos, como identidade, comprovantes de renda e residência, se passando por terceiros que sequer tinham ciência dos contratos celebrados com as financeiras.

Posteriormente, as pessoas lesadas tomavam conhecimento da fraude, ao serem procuradas pelas financeiras, para pagamento das dívidas contraídas pelos fraudadores.

As práticas criminosas identificadas geraram a instauração de pelo menos 30 inquéritos policiais, desde 2013. A PF apurou ainda que os empresários suspeitos recrutavam pessoas,além de Marília, também em Santa Catarina (Itajaí, Criciúma e Joinville), para aplicar os golpes, sendo que os envolvidos até agora identificados responderão pelos crimes de fraude em financiamento e organização criminosa.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black