Policial tira a própria vida, na sede da 3ª Cia da Rodoviária, em Assis. Na semana passada, major PM se suicidou, em Dracena

June 12, 2019

Um policial militar rodoviário tirou a própria vida na manhã desta quarta-feira (12) com um tiro na cabeça. O caso de suicídio aconteceu na sede da 3ª Cia da Polícia Militar Rodoviária de Assis.

De acordo com as primeiras informações, por problemas de saúde, o cabo PM Lincoln Clarindo dos Santos havia sido afastado da equipe do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) e por este motivo estava trabalhando interno na Cia.

Ainda segundo a polícia, ele estava com restrição e não poderia mais portar sua arma devido ao quadro de depressão.Contudo, Lincoln encontrou uma pistola na sede e cometeu o suicídio imediatamente. Ele era casado e deixa uma filha pequena.

OUTRO CASO

O Major PM, Nivaldo Donizete Terra, foi encontrado morto no dia 3 dentro de uma obra em andamento na sede do 25o Batalhão da Polícia Militar do Interior com sede em Dracena e do qual era subcomandante. Major Terra tinha uma lesão produzida por um tiro, o que remete à hipótese de suicidio.

Segundo fontes de dentro da PM, o oficial inspecionava a obra ao lado de engenheiros e por volta de 18 horas teria se distanciado do grupo. Em seguida ouviu-se um disparo e o corpo com lesão na cabeça. O Major estava fardado e a arma encontrava-se próxima ao corpo.

Uma equipe de Resgate do Corpo de Bombeiros socorreu o Major ao Pronto Socorro local, mas deu entrada na unidade já sem vida. O oficial deixa esposa e um casal de filhos.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black