Polícias investigam caso do estudante morto com disparo feito por PM durante confusão às margens da Rodovia do Contorno

October 28, 2019

                            Cláudio morreu no Hospital das Clínicas de Marília

 

As Polícias Civil e Militar seguem investigando a circunstância da morte do estudante Cláudio da Silva Alves, de 21 anos,. Ele morreu atingido por um tiro de pistola .40 na altura do abdomen, disparado por um policial militar.

Conforme o B.O registrado na CPJ por resistência e homicídio simples, dois policiais militares compareceram à Rodovia do Contorno, na madrugada deste domingo (27), para atender ocorrência onde um homem estaria tentando se suicidar ameaçando pular na frente de veículos que passavam pelo local.

Com a chegada do PMs, houve desentendimentos e o rapaz, alterado, teria passado a agredí-los com uma "gravata", socos e chutes. Um dos policiais, conforme os relatos, caiu no chão e foi atingido por vários golpes. 

O outro foi ajudar o parceiro e entrou em luta corporal com o rapaz, quando efetuou um disparo. Cláudio e um policial foram conduzidos ao Hospital das Clínicas, onde o rapaz morreu e o PM passou por atendimento com fraturas na face.

A perícia técnica esteve no local e coletou exames residuográficos nas mãos dos dois policiais. A PM abriu inquérito militar para apurar o ocorrido. Cláudio Alves da Silva está sendo velado na Sala 1 do Velório Municipal e será sepultado às 13h30. 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black