MAC sofre gol no finalzinho e empata em 3 a 3 com o Paulista, que conquista o título de campeão, em Jundiaí

November 2, 2019

 

Num jogo eletrizante e com vira-vira no placar, após estar por duas vezes em desvantagem, o MAC empatou em 3 a 3 com o Paulista, no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí, na tarde deste sábado. O resultado garantiu o título de campeão da Quarta Divisão do Campeonato Paulista ao time de Jundiaí.

Sob forte calor, o MAC começou marcando bem o setor de meio de campo, não dando espaços para o Paulista. Uma partida equilibrada pelos dois melhores times da Quarta Divisão (Sub23) do Campeonato Paulista, que começou com 41 times. 

Na primeira jogada de perigo, aos 7 minutos de jogo, o Paulista abriu o placar. Em cobrança de escanteio, a zaga do MAC parou e o zagueiro João Paulo subiu sozinho e entrou com bola e tudo. Aproveitando a vantagem de jogar pelo empate para ser campeão, o Paulista reduziu o ritmo de jogo. 

Aos 28 minutos, o zagueiro Bruno do Marília aproveitou um cruzamento de bola parada feito por Lucas Praxedes subiu de cabeça e mandou para o fundo das redes do goleiro Matheus e empatou o jogo. 

Com o gol, o MAC, que havia se desligado do jogo, retomou as rédeas e reequilibrou a partida. Na reta final do primeiro tempo o Paulista voltou a apertar e aos 40 minutos, o atacante Jefferson mandou uma bola no travessão. Três minutos depois o goleiro Geilson do Marília fez outra boa defesa.

Aos 43, numa jogada de contra-ataque o atacante Lucas Lima quase virou o jogo, mas o zagueiro João Paulo do Paulista cortou a bola. Dois minutos depois, Rafael chutou forte na entrada da pequena área e a zaga do Paulista tirou, mandando para escanteio. Logo em seguida, outro escanteio para o MAC deixou calada a torcida do Paulista. Enfim, o primeiro tempo marcou um jogo bem disputado de bons times disputando o título de campeão. 

SEGUNDO TEMPO BEM DISPUTADO

O MAC voltou no segundo tempo atacando e mostrando que estava disposto a virar o placar. Mas aos 7 minutos, aproveitando um cruzamento na área, o meia-atacante Mateus Moraes cabeceou firme para fazer o segundo gol do Paulista e incendiar a torcida no Estádio Jayme Cintra, em Jundiaí. 

Apesar do gol, o MAC, que precisava de mais dois gols para garantir o título de campeão foi pra cima e aos 15 minutos o ponta-esquerda Breno, cobrando falta, voltou a empatar o jogo: 2 a 2. 

O Marília manteve o ritmo e seguiu buscando a virada. Sentindo a pressão, o Paulista começou a catimbar o jogo com jogadores caindo em campo. 

Mas, num conta-ataque fulminante, aos 28 minutos do segundo tempo o ponta-direita Dener ficou frente a frente com o goleiro do Paulista e tocou por cima dele para virar o jogo: 3 a 2.

O time de Jundiaí, que jogava pelo empate, se desesperou e foi pra cima, abrindo espaços para os contra-ataques do Marília. O MAC ainda teve mais duas grandes chances de marcar o quarto gol. Aos 38 minutos o Paulista teve uma grande chance na cobrança de uma falta a menos de um passo da grande área, mas o goleiro maqueano Geilson fez outra grande defesa. O jogo ficou eletrizante e em outro contra-ataque o atacante Lucas Lima perdeu o quarto gol, após ficar só ele e o goleiro do Paulista. Se atrapalhou e perdeu o gol. 

O castigo veio em seguida. Aos 44 minutos, em mais um cruzamento na área, o atacante Ednan empatou para o Paulista, cabeceando para o fundo das redes. O MAC viu o título escapar das mãos. O presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos, acompanhou a partida e fez a entrega das premiações. 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black