Polícia prende três homens aplicando o "Golpe do X" na região. Uma das vítimas já havia perdido R$ 1,1 mil

January 27, 2020

A Polícia Civil de Bauru prendeu em flagrante, na manhã deste domingo (26), três homens por estelionato e associação criminosa na Feira do Rolo, em Bauru. Os detidos são moradores de Frutal, em Minas Gerais, e já estavam no alvo da polícia, após denúncias apontarem que eles vinham com frequência para a cidade e aplicavam o chamado "golpe do X" ou "golpe do papeiro". Trata-se de uma modalidade parecida com o "golpe da tampinha", em que a pessoa é enganada enquanto o jogador movimenta as peças com uma marcação ou bolinha embaixo. Foram apreendidos, com eles, R$ 1,5 mil em dinheiro.

De acordo com o delegado plantonista Richard Serrano, que comandou a operação, um rapaz de 30 anos (as identidades não foram divulgadas) era o mentor do golpe. Sobre uma mesa, ele manipulava três peças em madeira e enganava visualmente as pessoas que apostavam, conseguindo esconder a peça marcada com um "X", que, se encontrada, renderia premiação em dinheiro. "No lugar do exemplar premiado, ele colocava outra peça sem nenhuma marcação, que escondia nas próprias mãos em movimentos rápidos. O que impedia que os apostadores ganhassem", detalha o delegado.

Outros dois homens de 35 e 36 anos também foram detidos. "Eles o assessoravam e se fingiam de clientes para atrair outras pessoas. Eles conseguiam a premiação, mas as outras pessoas não", cita o delegado.

"Soubemos que o bando vinha para Bauru a cada 15 dias, aproximadamente. E, hoje, conseguimos o flagrante, com auxílio de equipes em cinco viaturas e do GOE (Grupo de Operações Especiais), que nos ajudaram a cercá-los antes", completa.

O flagrante ocorreu na rua Júlio Prestes, na esquina com a rua Rio Branco. O trio negou o crime, mas foi levado para o Plantão da Polícia Civil de Bauru.

VÍTIMA 

No local, a polícia colheu ainda o depoimento de uma vítima de 27 anos, moradora de Bauru, que relatou prejuízo de aproximadamente R$ 1,1 mil com as apostas feitas no "jogo".

O morador foi levado até a delegacia. Lá, ele reconheceu o bando, que acabou enquadrado também no crime de estelionato. Um dos homens teria confessado e acabou apontando o esconderijo do dinheiro.

No carro usado pelo trio, um Golf, os policiais encontraram R$ 720,00 escondidos sob o painel. Outros R$ 330,00 foram apreendidos com os homens de 35 e 36 anos.

"Acreditamos que outras vítimas possam surgir com a prisão. Antes de vir a Bauru, neste final de semana, o trio estava curtindo uma festa pré-Carnaval em São José do Rio Preto", reforça o delegado, informando que solicitará a conversão da prisão em flagrante em previsão preventiva.

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black