CORONAVÍRUS: Bolsonaro liberou atividades religiosas, hoje. Mas Decreto do prefeito Daniel Alonso ainda impede funcionamento de igrejas em Marília

March 26, 2020

O presidente Jair Bolsonaro autorizou o funcionamento de igrejas e templos religiosos e considerou este tipo de atividade como essencial durante a pandemia do novo coronavírus.

Entretanto, um Decreto assinado pelo prefeito Daniel Alonso, no último dia 21,  mantém proibidas essas atividades aqui em Marília.

A Assessoria de Imprensa da Prefeitura informou ao JP que o prefeito está mantendo contatos com líderes das igrejas católicas e evangélicas para definir sobre a questão.

Em vídeo gravado, Alonso declarou que se Bolsonaro autorizasse a abertura do comércio, ele tomaria a mesma medida imediatamente, em Marília. 

DECRETO DE BOLSONARO

O decreto sobre as igrejas  foi publicado na manhã desta quinta-feira (26), no Diário Oficial da União, e tem validade imediata.

Com a decisão, mesmo com restrições durante a quarentena, igrejas podem funcionar, contanto que obedeçam às determinações do Ministério da Saúde. O funcionamento deste tipo de atividade havia sido limitado pelos governadores dos estados brasileiros, como uma medida de combate ao Covid-19, para evitar aglomerações.

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black