Unimar realiza segunda fase da pesquisa inédita de testagem da Covid-19

July 29, 2020

A pesquisa inédita de testagem em grande escala de profissionais dos órgãos públicos chega a segunda fase com a coleta de dados dos colaboradores da Procuradoria da Fazenda Nacional e Receita Federal de Marília que estão trabalhando em home office ou internamente sem atendimento pessoal. A pesquisa é realizada pelo Programa de Mestrado Interdisciplinar em Interações Estruturais e Funcionais da Reabilitação da Universidade de Marília (Unimar), em parceria com o Hospital Beneficente Unimar (HBU) e o Laboratório São Francisco. De acordo com a docente do Mestrado Interdisciplinar da Área da Saúde, Dra. Cláudia Rucco, a pesquisa vai ajudar a compreender o comportamento da doença em Marília. “Durante este período de quarentena tivemos diferentes tipos de isolamento, por exemplo, alguns profissionais fizeram a quarentena completa, outros mantiveram o atendimento presencial, outro grupo teve a quarentena parcial, com afastamento e retorno, e diante desses diferentes cenários muitas perguntas surgiram sobre a disseminação do vírus na cidade. Nosso objetivo é avaliar se a presença no espaço físico interfere na contaminação ou se bastando as medidas de prevenção, podemos voltar ao trabalho”, explica.

O projeto está sendo desenvolvido por um grupo de pesquisadores, são eles: o Coordenador do Programa de Mestrado Interdisciplinar na Área da Saúde, Dr. Rogério Leone Buchaim; os docentes, Dr. Jefferson Aparecido Dias, Dr. Eduardo Federighi Baisi Chagas, Dra. Cláudia Rucco Penteado Detregiachi, Dr. Carlos Francisco Bitencourt Jorge; a Coordenadora do Curso de Enfermagem, Dra. Tereza Lais Menegucci Zutin e os mestrandos, Elídia Fabiana de Souza Xavier, Piero Biteli e Claudemir Gregório Mendes. Ainda segundo a docente Cláudia Rucco, os acadêmicos que estão vivenciando este momento poderão adquirir uma experiência única. “Os alunos integrantes destas e de outras pesquisas, ou estágio, sairão da Universidade com um upgrade, uma experiência ímpar por estar conosco neste momento jamais vivido”, destaca.

Na primeira fase, os testes foram realizados com mais de 50 colaboradores da Polícia Federal de Marília, que mantiveram o atendimento presencial. Nesta segunda fase, cerca de 90 colaboradores da Receita Federal e da Procuradoria da Fazenda Nacional participaram da pesquisa. Os profissionais passaram por medição da temperatura corporal, pressão arterial, saturação de oxigênio e coleta de exames sorológicos para anticorpos totais. Além disso, cada voluntário respondeu a um questionário informando dados pessoais e se pertencem aos grupos de risco.

Segundo o Procurador da Fazenda Nacional, Luciano José de Brito, a pesquisa tem papel importante para o mapeamento do vírus na cidade. “É uma excelente iniciativa da Unimar realizar as testagens neste momento de pandemia, em que tantas incertezas pairam sobre nós. Acredito que a pesquisa irá beneficiar a todos. Para nós, da Procuradoria da Fazenda Nacional, é importante saber se os colaboradores foram contaminados ou não para avaliarmos as medidas preventivas tomadas até o momento, já que os colaboradores que fazem parte do grupo de risco estão em home office e outra parte está trabalhando internamente atendendo ao público de forma virtual. Então, a pesquisa é muito pró-ativa e positiva para a sociedade em geral”, conta.

A coleta dos exames sorológicos para anticorpos totais estão sendo realizados em parceria com o Laboratório São Francisco. Segundo o Bioquímico e Responsável Técnico do Laboratório, Claudemir Gregório Mendes, a pesquisa inédita promovida pela Unimar vai contribuir com toda a sociedade. “Nos últimos dias houve crescimento no número de casos da Covid-19 e há necessidade da testagem dos nossos profissionais para saber se tiveram contato ou se ainda estão com o vírus, podendo assim traçar um diagnóstico de como está a situação em relação a imunidade da cidade. O Laboratório São Francisco e a Unimar são parceiros de longa data, já fizemos outras pesquisas juntos e esta é mais uma que vai contribuir em muito para a cidade de Marília”, ressalta.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

WHATSAPP DO JORNAL DO POVO PARA ENVIO DE SUGESTÕES, FOTOS OU VÍDEOS
99797-5612 
99797-3003
Siga "JP POVO"
  • Facebook Basic Black
  • Twitter Basic Black
  • Google+ Basic Black
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle
Anuncie aqui!!!
14 99797-5612

© 2017 por "JP. Povo