top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Vereador Féfin pede abertura de C.P e cassação do mandato do prefeito Daniel Alonso


Vereador Féfin protocolou pedido de Comissão Processante contra o prefeito Daniel Alonso

O vereador Júnior Féfin (PSL) protocolou na Câmara de Marília, na manhã desta segunda-feira (21), pedido de abertura de Comissão Processante contra o prefeito Daniel Alonso (PSDB).

O parlamentar anexou ao pedido uma série de recortes e prints de matérias em sites, jornais e redes sociais, apontando problemas espalhados pela cidade. O material, distribuído em 93 páginas, envolve ainda teor de requerimentos de vereadores direcionados à Prefeitura, cobrando soluções para problemas de ordem administrativa e urbanística na cidade.

Promessas de campanha eleitoral do prefeito também foram juntadas no pedido de Comissão Processante protocolado pelo vereador, além de recortes de denúncias contra assessores de alto escalão da Prefeitura.

"Ao que parece, a cidade teria sido tomada por uma “máfia” de gestão conivente e omissa com irregularidades. O chefe do executivo perdeu totalmente o controle do comando e das execuções de atribuições de atividades básicas, deixando de promover o bem-estar dos seus habitantes, que deveria ser a função do prefeito", menciona o documento.

O pedido de abertura de C.P deve ser votado em sessão camarária e são necessários nove votos favoráveis para aprovação e instauração do processo.

ALVO DE PEDIDO DE CASSAÇÃO

Féfin foi alvo de um pedido de instauração de processo de cassação de seu mandato na Câmara, no ano passado, mas o pedido foi rejeitado pela maioria do plenário. A acusação era de falta de decoro e agressões verbais e físicas a profissionais do Pronto Atendimento da Zona Sul. O pedido de cassação do mandato do vereador foi formalizado por servidores do P.A Sul.






223 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page